Consultório Médico

Av. dos Holandeses, Ed. Metropolitan, sala 302, Calhau.

Email

drguilhermemonteiro@hotmail.com

Whatshapp

+55 98 99149-6096

Cirurgia íntima

São correções cirúrgicas que podemos fazer na genitália seja masculina ou feminina para melhorar a estética e muitas vezes a funcionalidade desses órgãos. Na mulher, é muito freqüente a procura por redução dos pequenos lábios da vulva, que chamamos de ninfoplastia que executamos sob anestesia local mais sedação utilizando técnica própria de redesenho  do lábios vulvares. utilizamos técnica do duplo retalho ou ampulheta que retira excesso de pele tanto no sentido súpero – inferior quanto no sentido ântero – posterior. A cicatriz final é de ótimo aspecto e fica escondida, diferente da técnica tradicional.  O clitóris não é tocado. Está indicada em quatro situações: queixa estética, queixa funcional ( dor no momento do coito ou dificuldade de penetração), queixa ligada à higiene e queixa ligada à dor causada pela indumentária justa.  A cicatrização é rápida ( 3 dias em geral) e os pontos são absorvidos pelo organismo estando a mulher apta para voltar a ter relações sexuais aproximadamente 10 dias após a cirurgia.

Outro procedimento muito usado na genitália feminina é o implante de gordura nos grandes lábios da vulva em caso de mulheres que considerem essa região muito flácida, algumas vezes causada pela idade.

Também operações no frênulo labial vulvar, parte mais próxima do ânus é feita no sentido de corrigir roturas freqüentes nesta região causadas pelo trauma do coito.

Outras vezes pequenas correções na própria região anal, como plicomas e hemorróidas externas podem ser feitas.

Nos homens é freqüente a demanda por diminuição de excesso de pele do prepúcio, correção do cabresto curto, lesão incapacitante que causa ferimentos na hora do coito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Dr. Guilherme Monteiro